quinta-feira, 1 de janeiro de 2015

Dilma toma posse e Mujica é destacado

Nesta quinta (01) a presidenta eleita Dilma Rousseff tomou posse do cargo de presidenta pela segunda vez e anuncia que o lema do governo será “Brasil, Pátria educadora”

Não tenho nada contra a eleição da presidenta, até por que a mesma foi eleita pela maioria dos votos válidos, porém há de se verificar se precisava toda aquela pompa, o que, evidentemente trás um custo muito alto para a nação.

A meu ver, bastava a presidenta se dirigir ao Congresso e ser diplomada.

Simples assim.

O que vimos foi muitos seguranças protegendo os políticos em geral, veículos oficiais usados por diversos deles e a Dilma desfilando em carro aberto (Rolls Royce – é mole -), por ruas que raramente têm suas guias pintadas e desta vez o fizeram, mal, mas pitaram, coquetel e o scambau.
Videofoto retirada do UOL - Edição e montagem: Amorim Sangue Novo

A salvação foi a presença de diversos chefes de estado, entre eles, na primeira fila o presidente do Uruguai, José Mujica e, com esta aproximação que ele tem com o povo brasileiro, quem sabe poderá dar aulas de como governar.