sexta-feira, 12 de maio de 2017

Prefeito de Ponta Grossa provoca manifestantes em Curitiba

De acordo com o vídeo abaixo o prefeito Marcelo Rangel (PPS), provoca manifestantes, dirige com uma são mão sem atenção ao trânsito sujeitando-se a provocar um acidente. O que o prefeito esqueceu ao dar vivas ao Sérgio Moro, ele atraiu para si a atenção da imprensa que, como eu, fui buscar o que tem havido em sua ficha e o que descobri é que o cidadão está cheio de problemas com a justiça.

 

Veja texto do blog do Esmael
"Descontrolado, o prefeito dava “hip-hip-hurra” a Moro que persegue o ex-presidente Lula. Mas, cá entre nós, por que Marcelo Rangel também não dá “hip-hip-hurra” ao juiz do Tribunal de Justiça do Paraná que lhe bloqueou bens no valor de R$ 647 mil?
O prefeito Marcelo Rangel é investigado pela contratação de funcionários “fantasmas” na época em que era deputado estadual, entre 2009 e 2013, o que configura improbidade administrativa.
Segundo a jornalista Mareli Martins, de Ponta Grossa, além de Rangel, outros deputados da bancada dos “limpinhos” na Assembleia Legislativa do Paraná também tiveram os bens bloqueados pela Justiça. Todos envolvidos na contratação de funcionários “fantasmas”.
O município de Ponta Grossa, na região dos Campos Gerais, fica a 100 km de Curitiba. Possui cerca de 340 mil habitantes e é o quarto maior colégio eleitoral do Paraná com 223 mil eleitores."
Postar um comentário